“Capacitar para Proteger” é o novo projeto de extensão universitária da Escola de Enfermagem de Lisboa

Quinta-feira, abril 30, 2020 - 14:25

O Projeto “Capacitar para Proteger” da Escola de Enfermagem de Lisboa do ICS da UCP, tem como objetivo a realização de formações específicas, aos profissionais das instituições que acolhem pessoas idosas, sobre procedimentos adequados para prevenir a transmissão de infeção em geral e a transmissão da infeção por coronavírus em especial.

Dado o contexto de pandemia em que vivemos, este projeto surge da iniciativa de estudantes do 3º e 4º ano do Curso de Licenciatura em Enfermagem, conjuntamente com o corpo docente.

A Escola de Enfermagem (Lisboa) do ICS-UCP chamou a si a responsabilidade de proporcionar  formação a estes profissionais, no âmbito da sua missão de transferir o conhecimento para a sociedade, no âmbito das suas atividades de extensão universitária.

Nova formação – Centro de Enfermagem da Católica

Preencha já o Formulário de Inscrição

Tendo em conta o contexto de pandemia em que vivemos e a vulnerabilidade dos utentes das Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI). O Projeto “Capacitar para Proteger” tem como objetivo capacitar os Ajudantes de Ação Direta (AAS), através de formação, para as práticas adequadas à prevenção da transmissão de COVID-19, bem como, garantir a segurança das pessoas idosas a residir nestas instituições.


DESTINATÁRIOS: Ajudantes de Ação Direta

FINALIDADE DA FORMAÇÃO:

A finalidade da formação será aumentar a literacia em saúde, incrementando práticas mais conscientes e promotoras de um ambiente mais seguro, decorrentes do exercício profissional. Assim, pretende-se que o formando:

  • Identifique as principais vias de transmissão do vírus;
  • Identifique os comportamentos de risco/propensos à transmissão do vírus;
  • Execute corretamente a técnica de higienização das mãos;
  • Utilize adequadamente os equipamentos de proteção individual;
  • Identifique os momentos do quotidiano em que existe maior suscetibilidade de transmissão de infeção.

PROGRAMA/CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS:

  •  Higienização das Mãos
  •  Equipamentos de Proteção Individual
  •  Ambiente Seguro
  •  Ser Profissional


DURAÇÃO DA FORMAÇÃO E AGENDAMENTO:

Duração de 3 horas.
Agendamento através do Formulário de Inscrição

METODOLOGIA E AVALIAÇÃO:

A formação será realizada por videoconferência com recurso a dispositivos visuais e vídeos demonstrativos baseados em evidência científica atual. Será realizado um acompanhamento individualizado e contínuo aos grupos de formação de cada ERPI, posterior à formação.

EQUIPA COORDENADORA DE ESTUDANTES:

  • Manuela Marques Gomes
  • Milana Dovzhenko
  • Maura Fernandes
  • Maria Sardinha

DOCENTES:

  • Professora Doutora Cristina Marques Vieira (Coordenadora)
  • Professora Doutora Filipa Veludo
  • Professora Mestre Liliana Braguez
  • Professora Doutora Patrícia Pontífice Sousa
  • Professor Doutor Sérgio Deodato