(Coordenador – Marlene Barros)

A plataforma SalivaTec centra a sua investigação em Bioinformática/Biologia Computacional e em Biomarcadores e Mecanismos Moleculares, anotando, curando e integrando dados moleculares focados em diagnóstico salivar. Gera a base do conhecimento para a produção de Dispositivos Orais tornando a cavidade oral uma porta para a monitorização e avaliação da saúde em tempo real.

O trabalho in silico na anotação e análise de dados e na produção de ferramentas resultou na base de dados OralCard que foi recentemente atualizada para a base de dados SalivaTecDB com uma nova interface e com a inclusão de dados de proteínas microbianas e microRNAs. A base de dados SalivaTecDB é única na recolha, anotação manual e disponibilização de informação molecular na saliva. Estas bases de dados permitiram a reutilização dos dados das ciências Ómicas já existentes, para o esclarecimento de mecanismos moleculares e a pesquisa de biomarcadores salivares. A SalivaTecDB permitiu já a identificação de mecanismos desregulados na periodontite agressiva, preparando o caminho para o estabelecimento de melhores estratégias de diagnóstico e soluções terapêuticas.

Uma aproximação semelhante foi aplicada para a proposta de proteínas que têm potencial como biomarcadores de diagnóstico e de estratificação para o Espectro de Autismo (CORBEL – a terminar em 2020). A ferramenta SalivaPRINT Toolkit, que permite a determinação e análise de perfis de proteínas, constitui um avanço na utilização da saliva para a estratificação em doença e a otimização do processo de proposta de novos biomarcadores. Outra das ferramentas bioinformáticas inovadoras, o OralInt, desenvolvido em conjunto com o IEETA, permite a previsão de interações proteína-proteína entre diferentes organismos. A utilização do OralInt levou à previsão do interactoma entre o vírus Zika e as proteínas humanas, permitindo a proposta de 18 novas proteínas-alvo humanas. Estes resultados são importantes para o esclarecimento dos mecanismos de patogénese do vírus e para o desenvolvimento de novas terapêuticas para controlo de infeções por ZIKA.

Os estudos in silico utilizando ferramentas bioinformáticas desenvolvidas na plataforma SalivaTec permitem promover a utilização da saliva para a investigação em saliva.

 

Investigadores Integrados

António Santos Paulo

Dora Catré
Joana Rosmaninho Salgado
Maria José Serol de Brito Correia
Marlene Maria Tourais Barros
Nuno Rosa

Investigadores Colaboradores

Ana Sofia Fraga Almeida
Eduardo Esteves

Igor Cruz

Inês Isabel Ribeiro Coelho

Jesus Garrido Garcia
Jorge Emanuel Martins

Luís Sepúlveda

Mónica Figueiredo Fernandes
Paulo Santos
Sara Sofia Dinis de Sousa
Sofia Mariana Saavedra Ribeiro Pires da Silva